sexta-feira, 25 de março de 2011

Membros da Acriar cobram cumprimento da Lei Ascânio Lopes

Na última sessão da Câmara Municipal de Vereadores, diverssos artistas de Cataguases e membros da ACRIAR - Associação dos Criadores de Arte de Cataguases estiveram no local cobrando dos vereadores o cumprimento da lei Ascânio Lopes, que destina parte da arrecadação do município ao financiamento de atividades Culturais. Os membros alegam que o Prefeito Wiliam Lobo e o secretário de Cultura José Vítor não publicaram edital que estava previsto para o dia 25 de fevereiro. As declarações do prefeito e do secretário divergem e há uma fumaça pairando sobre a referida lei. Se ela está incluída no orçamento, porquê até agora o edital não foi lançado? A sociedade quer uma explicação rápida e transparente e não respostas evasivas como as que aconteceram até agora. No final da leitura da carta, no grande expediente, o vereador Vanderlei Pequeno reiterou as palavras do presidente da Acriar, Emanuel Messias e pediu apoio aos demais vereadores para pressionar o executivo no sentido de cumprir o que determina a lei.