terça-feira, 26 de julho de 2011

Governo Aécio/Anastasia aluga prédio a preço de banana

A bondade tucana rende bons negócios à elite do País. Em um processo atípico, o governo de Minas está entregando o prédio do IPSEMG, de 12 andares, em plena Praça da Liberdade (o metro quadrado mais caro da cidade de Belo Horizonte), a um consórcio liderado pelo badalado grupo hoteleiro Fasano. O grupo, de amigos de Aécio Neves, pagará a pechincha de R$ 15 mil por mês em contrato de 70 anos (35 anos renováveis por mais 35 anos). A desculpa é a Copa do Mundo, que durará apenas um mês. Pesquisa de mercado aponta para cifras que ultrapassam os 50 mil mensais. Enquanto isso, o IPSEMG agoniza em greve, precarizando seu atendimento e estrutura imprópria para a realização de um bom trabalho. A transação foi planejada em 2010 e ocorreu, com urgência, durante e após o
processo eleitoral. O ministério Público suspendeu o processo e apura as denúncias de irregularidades que vão desde o processo de publicização à subvaloração do imóvel.

Fonte: Bloco Minas sem Censura