quinta-feira, 28 de julho de 2011

Obra inacabada na BR-342, entre Leopoldina e Cataguases, incomoda moradores



Sem manutenção, a estrada está desmoronando junto com a erosão 

de Cataguases

 

Estrada agoniza por falta de manutenção.
O que era para ser uma importante rodovia entre Leopoldina e Cataguases, não passa de um terreno tomado pela erosão e esquecido pelas administrações públicas. Moradores reclamam do descaso com as obras da BR-342, que está inacabada. O que era para ser uma importante rodovia entre as duas cidades, não passa de um terreno tomado pela erosão e esquecido pelas administrações públicas. Uma parte da estrada ficou pronta. A outra, de aproximadamente dois quilômetros, não. O trecho está entre a MG-285 e a BR-116 e deveria servir para tirar o tráfego de veículos pesados da principal entrada de Cataguases, onde as ruas são estreitas e o trânsito é intenso.

Falta de manutenção

A equipe de reportagem da TV Panorama percorreu o trecho concluído da rodovia e o que foi encontrado pelo caminho foi o descaso com o dinheiro público. Sem manutenção, a estrada está desmoronando junto com a erosão. Em outro trecho, onde a obra foi paralisada, manilhas abandonadas e a destruição de uma área de preservação permanente, o que configura crime ambiental. Como a obra não foi concluída, o fluxo de veículos é quase zero. O único movimento é o de animais soltos na pista. A obra é de responsabilidade do governo federal, como mostra uma placa no local. Ela começou em janeiro de 2001 e deveria terminar em maio de 2003, mas nunca foi concluída. O valor estimado na época foi de R$11.500 milhões. E a empresa contratada para executar o serviço foi a Empa Serviços de Engenharia. A equipe de reportagem foi ao escritório da firma, mas foram informados que o gerente não estava. Ao lado da empresa, máquinas que teriam sido usadas para a construção da rodovia que oito anos espera para ficar pronta. O Departamento Nacional de Infraestrutura (Dnit) informou que o trecho não é do departamento. 

Nota do Blog Notícias de Cataguases: 

Segundo site da própria EMPA, (empresa responsável pela obra) a rodovia em questão é a BR-120/MG. (Execução dos serviços de implantação e pavimentação da Rodovia BR-120/MG, entre a rodovia MG-285(Cataguases) e BR-116 (Leopoldina). 

Diante do fato, encaminhamos à ouvidoria do DNIT através do protocolo 102852 solicitação de averiguação da denúncia feita pelo MGTV. O órgão tem o prazo até o dia 12/08/2011 para se posicionar sobre o fato.