quinta-feira, 22 de março de 2012

Dados demonstram o nível de emprego de Cataguases em 2011


Este ordinário blogueiro desconfia dos discursos e por isso mesmo adora números. Eles são inflexíveis, frios, exatos e não possuem partido. Discursos são inflamados, manipuláveis e cheios de interesses pessoais. Muita reclamação se ouve nas ruas, a respeito do emprego em Cataguases, e o nível de salário muito baixo. Outros reclamam que a Prefeitura de nossa cidade não realizou concurso e promove a proliferação de contratos temporários às vésperas do pleito municipal. Como diria Jack Estripador, vamos por partes:

O mercado formal de trabalho brasileiro fechou 2011 com saldo de 1.944.560 vagas (crescimento de 5,41%), segundo melhor resultado da série histórica do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged - MTE). O resultado fica atrás apenas de 2010 (2.543.177). Apenas em dezembro, como ocorre sazonalmente, houve mais demissões do que admissões – foram perdidas 408.172 vagas.

Os números, divulgados pelo Ministério do Trabalho e Emprego, refletem uma atividade econômica menos intensa, mas ainda com capacidade de criação de empregos até acima do que se poderia esperar. Em 2010, ano do recorde, o Produto Interno Bruto (PIB) cresceu 7,5%. O PIB de 2011 foi de quase 3%.

O saldo do ano é resultado de 21.703.048 contratações formais e 19.758.488 demissões, o que evidencia a rotatividade do mercado de trabalho. Entre os setores, o de serviços criou 925.537 vagas, expansão de 6,43%. Em seguida, vêm comércio (452.077 postos de trabalho a mais, alta de 5,61%), construção civil (222.897, com o maior crescimento percentual, 8,78%) e a indústria de transformação (215.472, aumento de 2,69%).

De acordo com o Caged, o salário médio de admissão teve aumento real (descontada a inflação) de 3,12% sobre 2010. O valor passou de R$ 888,89 para R$ 916,63. Os maiores aumentos reais foram registrados no Paraná (6,33%), Pernambuco (5,36%) e Pará (5,19%). Três estados tiveram queda: Sergipe (-1,43%), Roraima (-0,73%) e Rondônia (-0,72%). O maior salário de admissão foi o de São Paulo (R$ 1.129,41) e o menor, da Paraíba (R$ 689,04).

Cataguases

Na Zona da Mata, Cataguases manteve o quadro de oscilação empregatícia, sendo a administração Pública (Prefeitura, órgãos federais, etc) a maior contratante. Repetindo o fenômeno natural de demissões, dezembro foi o mês que apresentou maior resultado negativo: 152. O saldo anual porém, foi positivo: 502 novos contratos, segundo dados do CAGED. Confira o detalhamento dos dados:


FLUTUAÇÃO DO EMPREGO FORMAL
Jan/2011 até Dez/2011

Total das Atividades
IBGE Setor Admitidos Desligados Saldo
1 - EXTR MINERAL 17 23 -6
2 - IND TRANSF 1.556 1.587 -31
3 - SERV IND UP 71 51 20
4 - CONSTR CIVIL 665 641 24
5 - COMERCIO 1.691 1.485 206
6 - SERVICOS 1.533 1.431 102
7 - ADM PUBLICA 336 258 78
8 - AGROPECUARIA 109 100 9
Total 5.978 5.576 402
Ocupações com Maiores Saldos
CBO 2002 Ocupação Admitidos Desligados Saldo
521125 - REPOSITOR DE MERCADORIAS 237 112 125
761005 - OPERADOR POLIVALENTE DA INDUSTRIA TEXTIL 127 88 39
231210 - PROFESSOR DE NIVEL SUPERIOR DO ENSINO FUNDAMENTAL (PRIMEIRA A QUARTA SERIE) 98 68 30
715210 - PEDREIRO 128 103 25
632125 - TRABALHADOR DE EXTRACAO FLORESTAL. EM GERAL 45 20 25
Ocupações com Menores Saldos
CBO 2002 Ocupação Admitidos Desligados Saldo
763210 - COSTUREIRO NA CONFECCAO EM SERIE 42 97 -55
732105 - ELETRICISTA DE MANUTENCAO DE LINHAS ELETRICAS. TELEFONICAS E DE COMUNICACAO DE DADOS 30 69 -39
848310 - CONFEITEIRO 210 246 -36
782410 - MOTORISTA DE ONIBUS URBANO 61 81 -20
911305 - MECANICO DE MANUTENCAO DE MAQUINAS. EM GERAL 57 75 -18
Fonte: CAGED/MTE

SALÁRIO MÉDIO DE ADMISSÃO
Jan/2011 até Dez/2011

Total das Atividades
IBGE Setor Salário Médio de Admissão (R$)
1 - EXTR MINERAL 1.208,00
2 - IND TRANSF 856,57
3 - SERV IND UP 1.029,96
4 - CONSTR CIVIL 714,10
5 - COMERCIO 632,57
6 - SERVICOS 836,41
7 - ADM PUBLICA 653,38
8 - AGROPECUARIA 665,35
Total 824,54
Ocupações com Maiores Saldos
CBO 2002 Ocupação Saldo Salário Médio de Admissão (R$)
521125 - REPOSITOR DE MERCADORIAS 125 590,25
761005 - OPERADOR POLIVALENTE DA INDUSTRIA TEXTIL 39 574,47
231210 - PROFESSOR DE NIVEL SUPERIOR DO ENSINO FUNDAMENTAL (PRIMEIRA A QUARTA SERIE) 30 609,87
715210 - PEDREIRO 25 965,54
717020 - SERVENTE DE OBRAS 25 591,45
Ocupações com Menores Saldos
CBO 2002 Ocupação Saldo Salário Médio de Admissão (R$)
763210 - COSTUREIRO NA CONFECCAO EM SERIE -55 561,83
732105 - ELETRICISTA DE MANUTENCAO DE LINHAS ELETRICAS. TELEFONICAS E DE COMUNICACAO DE DADOS -39 972,63
848310 - CONFEITEIRO -36 578,31
782410 - MOTORISTA DE ONIBUS URBANO -20 881,80
911305 - MECANICO DE MANUTENCAO DE MAQUINAS. EM GERAL -18 693,61
Fonte: CAGED/MTE

Dados: MTE - CAGED
Consolidado anual:

Janeiro
+34
Fevereiro
+108
Março
+96
Abril
-12
Maio
+6
Junho
+93
Julho
+131
Agosto
-31
Setembro
+79
Outubro
+59
Novembro
+91
Dezembro
-152